×

Alerta

Falha ao carregar ficheiro XML

“As crianças são o grupo social mais flagelado pela covid-19”-ROSC

quarta, 27 maio 2020 21:23
Rate this item
(0 votes)

A realidade moçambicana tem mostrado que as crianças são o grupo social mais flagelado pelos fenómenos associados à pandemia da Covid-19.

 

Para além da violência física e psicológica, as crianças estão ainda mais vulneráveis à exploração, violações sexuais, uniões prematuras, pobreza e outros males.

A informação consta de um relatório da sociedade civil moçambicana apresentado esta quarta-feira, em Maputo, por um grupo de organizações não-governamentais, que inclui o Centro de Aprendizagem e Capacitação da Sociedade Civil, Fórum da Sociedade Civil para os Direitos das Crianças e Fundação para o Desenvolvimento da Comunidade.

Benilde Nhalivilo, representante do Fórum da Sociedade Civil para os Direitos das Crianças (ROSC ) diz que há necessidade de se melhorar os mecanismos de protecção deste o tecido social, que representa cerca de metade da população moçambicana.

O relatório da sociedade civil recomenda, também, acções inclusivas de protecção às crianças de todo o país.

No mesmo encontro, os membros da sociedade civil apresentaram preocupação com as crianças que se encontram nas regiões afectadas pelos ataques armados no norte do país. (RM)

Read 409 times

Escolha do editor

Publicidade

Sociedade

Cidade de Tete: Polícia desmantela esconderijo de imigrantes ilegais

Cidade de Tete: Polícia desmantela esconderijo de imigrantes ilegais

A Polícia da República de Moçambique (PRM), em Tete, desmantelou uma residência, que servia de escon...

Contacto

Direcção de Informação: email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.; Fixo 21 42 99 08, Fax 21 42 98 26 | Rua da Radio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP

Conecte-se Connosco