×

Alerta

Falha ao carregar ficheiro XML
Mundo

Mundo (957)

O Governo do Irão "rejeita categoricamente" a alegação dos Estados Unidos de que foi responsável pelos ataques de quinta-feira contra petroleiros no mar de Omã, incidentes que condena "com a maior veemência possível".

O ministro francês dos Negócios Estrangeiros, Jean-Yves Le Drian, e o presidente da Comissão da União Africana (CUA), Moussa Faki Mahamat, mostraram-se preocupados com a situação vigente no Sahel e no Sudão.

O director-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS) convocou para esta sexta-feira uma reunião de urgência para decidir se declara a epidemia do vírus do Ébola na República Democrática do Congo (RDCongo) como uma emergência de saúde global.

A Casa Branca indicou esta quarta-feira que o Egipto, Jordânia e Marrocos, países árabes aliados dos EUA, vão participar na conferência de Manama sobre o vector económico do plano de paz norte-americano que pretende solucionar o conflito israelo-palestiniano.

Nova Iorque - O Conselho de Segurança das Nações Unidas condenou "firmemente" a violência no Sudão e apelou aos militares no poder e ao movimento de protesto que trabalhem juntos para encontrar uma solução para a crise.

Kampala - O Governo ugandês anunciou, esta terça-feira, um caso de um paciente infectado no Uganda com o vírus do Ébola, naquele que é o primeiro caso no exterior do surto iniciado na República Democrática do Congo (RDC).

Cartum - Pelo menos 11 pessoas morreram num ataque das Forças de Apoio Rápido (FAR) contra um mercado do estado de Darfur Central, no oeste do Sudão, segundo o Comité Central de Médicos do país.

As autoridades norte-americanas apresentaram formalmente a um tribunal britânico o pedido de extradição do fundador do WikiLeaks, Julian Assange, detido no Reino Unido, confirmaram esta terça-feira o porta-voz da organização e fonte do Governo dos EUA.

Os advogados de Lula da Silva disseram que as reportagens publicadas pelo portal Intercept sobre a Lava Jato reiteraram que houve uma actuação combinada entre os procuradores e o ex-juiz Sérgio Moro para condenar o ex-Presidente brasileiro.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, declarou-se "escandalizado" com a matança de pelo menos 95 civis numa aldeia do Mali e pediu o diálogo para acabar com as tensões entre os diferentes grupos étnicos do país.

Escolha do editor

Publicidade

Rádios Online

Antena Nacional

EP Gaza

EP Sofala

RM Desporto

EP Nampula

Inquerito

O que acha do nosso novo website?

Meteorologia

Maputo, MZ

Programação

Contacto

Direcção de Informação: email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.; Fixo 21 42 99 08, Fax 21 42 98 26 | Rua da Radio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP

Conecte-se Connosco