Print this page

COVID-19: Turismo em Inhambane perde cerca de 50 milhões de meticais com o cancelamento de reservas

Published in Economia
quinta, 09 abril 2020 09:08
Rate this item
(0 votes)

O Sector do turismo em Inhambane perde cerca de 50 milhões de meticais com o cancelamento das reservas para o período da páscoa, devido a propagação do novo coronavírus.

 

Trata-se de reservas efectuadas por turistas nacionais e estrangeiros. A província de Inhambane esperava receber mais de dezasseis mil e quinhentos turistas.

Além da queda do volume de recitas, a pandemia do novo coronavírus põe em risco cerca de mil e duzentos postos de emprego dos sectores de acomodação e restauração.

O chede do departamento do Turismo na direcçãoo provincial da Cultura e Turismo, em Inhambane, Alfredo Wetimane, diz que a situação é delicada, depois de 68 empresas terem comunicado encerramento por tempo indeterminado. (RM Inhambane)

Read 770 times