Top Ad
Millenium Bim
www.bimcom
A sua banca aqui consigo
Matola Gas Company
www.mgc.com
A força da energia limpa moçambiana!
×

Alerta

Falha ao carregar ficheiro XML

Presidente da República reitera seu compromisso de construção da paz

Published in Destaques
quarta, 09 maio 2018 17:08

O Presidente da República, Filipe Nyusi, reitera, o seu compromisso de continuar o processo de construção da paz  iniciado com Afonso Dlhakama.

 

Filipe Nyusi falava, esta quarta-feira, na cidade da Beira, na cerimónia oficial do funeral do líder da Renamo, Afonso Dlhakama, que perdeu a vida, na passada quinta-feira, no distrito de Gorongosa, em Sofala, vítima de doença.

O Presidente Filipe Nyusi afirmou que “a nação moçambicana foi colhida de surpresa na manhã do dia 3 de Maio corrente. Deixou-nos, fisicamente, Afonso Macacho Marceta Dlhakama, presidente da Renamo, o maior partido da oposição em Moçambique, vítima de doença. Em nome do governo de Moçambique, do povo e no meu próprio, lamenta a perda de um compatriota que, do seu modo, fez parte da história recente de Moçambique. Com a mesma serenidade, enfrentamos juntos, o mesmo sentimento de luto. Esta é uma prova de maturidade do sentido cívico do nosso povo. Compatriotas, em situações difíceis, como esta, todos temos de ter a força e a lucidez para superarmos as emoções que nos atravessam. Todas as nossas diferenças tornam-se neste momento secundárias e irrelevantes. Somos um só sentimento, um mesmo sentimento, do norte a sul do país. Como moçambicanos, reconhecemos, acima de tudo, que até à sua morte, Afonso Dlhakama tinha convicções próprias sobre o pluralismo político em Moçambique”.

O estadista Moçambicano sublinhou que a melhor forma de honrar com a memória de Afonso Dlhakama é acelerar o processo do diálogo em curso a bem de todos os moçambicanos.

“Quero reafirmar que iremos prosseguir a obra que juntos iniciamos, isto é, a construção da paz e o reforço da democracia, através do aperfeiçoamento da descentralização e desconcentração. Reafirmo a minha disponibilidade de continuar com o processo de desarmamento, desmobilização e reintegração social dos militares da Renamo, já iniciado. O fecho deste dossier será sempre considerado uma obra colectiva dos moçambicanos, uma obra para que Afonso Dlhaikama contribuiu até aos final dos seus dias. O tempo que hoje vivemos, tomamo-lo como fonte de inspiração e como uma oportunidade para transformar Moçambique numa terra sem ódio, nua mnação que sabe ser unida e forte, mesmo nos momentos mais difíceis e tristes. A sua colaboração no processo de paz mantém-se viva em mim, a sua voz não se desvanece, quando telefonicamente falamos no passado dia 11 de Abril e ainda ecoam em mim as suas palavras, passo a citar: “Presidente, mesmo que haja dificuldades ou obstáculos, nunca cortemos os laços de entendimento, o processo de paz não pode falhar”. Povo moçambicano, que fique claro que com os moçambicanos, irei dar a continuidade a todo o processo de construção da paz, juntamente com a nova liderança do partido do Dlhakama, respeitando sempre o quadro legal e institucional”- disse o Presidente da República, Filipe Nyusi, na hora do Adeus ao líder da Renamo, Afonso Dlhakama. (RM-Sofala)

Read 808 times

Economia

Escolha do editor

Publicidade

Rádios Online

Antena Nacional

EP Gaza

EP Sofala

RM Desporto

EP Nampula

Inquerito

O que acha do nosso novo website?

Meteorologia

Maputo, MZ

Programação

Contacto

Direcção de Informação: email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.; Fixo 21 42 99 08, Fax 21 42 98 26 | Rua da Radio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP

Conecte-se Connosco