Print this page

Guterres mostra-se "profundamente entristecido" com efeitos do Idai

Published in Recomendado
sábado, 23 março 2019 16:54
Rate this item
(0 votes)

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, disse, esta sexta-feira, estar "profundamente entristecido" com os efeitos do ciclone Idai, mostrando-se, ainda assim, "encorajado com os esforços nacionais e internacionais" das equipas de salvamento.

“Estou profundamente entristecido pela perda de vidas e pelas emocionantes imagens do sofrimento humano que temos visto desde que o ciclone idai atingiu a Beira, em Moçambique, na noite de 14 de Março, e depois varreu até ao Malawi e Zimbabwe, resultando num desastre massivo", escreveu o secretário-geral numa nota divulgada pelas Nações Unidas.
Na missiva, Guterres diz-se "encorajado pelos esforços das equipas nacionais e internacionais de busca e salvamento" e de outras equipas que se juntaram para ajudar, "a trabalhar dia e noite para salvar milhares de vidas em condições perigosas e desafiantes".
Estes "heróis", acrescentou, "não só salvaram famílias em telhados, mas também estão a entregar comida e dispositivos de purificação de água e outra assistência humanitária".
As Nações Unidas "já libertaram 20 milhões de dólares para dar início à resposta, mas um apoio internacional muito maior é ainda necessário", apontou.
"O que é preciso agora é verba para financiar o apoio nos dias, semanas e meses que se aproximam", acrescentou, concluindo que "é preciso que todos nos ergamos em solidariedade com o povo de Moçambique, Malawi e Zimbabwe".(RM /NMinuto)

Read 150 times