Print this page

Mais de trezentas crianças de rua sofreram abuso sexual nos últimos seis meses

sábado, 19 outubro 2019 15:38
Rate this item
(0 votes)

Pouco mais de trezentas e vinte crianças das províncias de Gaza e Maputo, incluindo da cidade capital, foram abusadas sexualmente nos últimos seis meses devido a sua exposição nas ruas.

 

Trata-se de menores de dezasseis anos que são aliciadas pelos violadores enquanto aguardam pelos pais, encarregados de educação e algumas pelas carinhas escolares no fim das aulas.

A informação foi partilhada este sábado, em Maputo, por Nádia Buzi, do Departamento de Atendimento a Família e Menor Vítimas de Violência Doméstica no Ministério do Interior, a propósito de uma palestra subordinada protecção segurança e vigilância rodoviária dirigida aos pais e Encarregados de Educação de alunos das Escolas da cidade de Maputo.

Nádia Buzi aponta em parte a negligência de alguns pais e encarregados de educação e a falta de rigor dos transportadores escolares entre as causas que levam a exposição dos petizes nas ruas.

A Técnica do Departamento de Atendimento a Família e Menor vítimas de violência Doméstica no Ministério do interior, sem avançar números, indicou a existência de alguns pais e encarregados de educação citados em processos devido a esta negligência.

Eustágia Gomes do Sector de Educação e Desenvolvimento Humano, na Cidade de Maputo, considera que as campanhas de sensibilização vão permitir elucidar os pais e encarregados de educação sobre a necessidade da união de sinergias para a protecção das crianças contra os diversos males que enfermam a sociedade.

Para alguns encarregados de educação a iniciativa do Ministério do interior em coordenação com o pelouro da educação chama a razão para o redobrar dos cuidados para com os seus educandos. (RM)

Read 648 times