Top Ad
Millenium Bim
www.bimcom
A sua banca aqui consigo
Matola Gas Company
www.mgc.com
A força da energia limpa moçambiana!
×

Alerta

Falha ao carregar ficheiro XML

Ministros do Interior dos estados alemães vão analisar ataque xenófobo

Published in Mundo
quinta, 20 fevereiro 2020 21:01
Rate this item
(0 votes)

Os ministros do Interior dos 16 estados federados da Alemanha vão reunir-se para analisar em conjunto o ataque xenófobo de Hanau (Alemanha central), no qual morreram nove pessoas de origem estrangeira, além do alegado assassino e da sua mãe.

 

O anúncio foi feito esta quinta-feira pelo ministro do Interior alemão, Horst Seehofer, durante uma visita a Hanau, na qual expressou as suas condolências à população e repetiu algumas das palavras da chanceler, Angela Merkel, afirmando que "o racismo é um veneno".

"Ainda é muito cedo, mas tudo aponta para uma motivação racista. O racismo é um veneno, perturba os espíritos e leva ao surgimento do mal", disse Seehofer.

O ministro acrescentou que, juntamente com o estado federado de Hesse, tudo será feito para esclarecer o que aconteceu e impedir que algo semelhante se repita.

"Vamos encontrar-nos hoje com os ministros do Interior de todos os estados federados", referiu.

A ministra alemã da Justiça, Chistine Lambrecht, também adiantou que "tudo aponta para um ato terrorista de extrema-direita" e que as investigações vão continuar a analisar se o autor dos atentados tinha pessoas a apoiá-lo.

Em conferência de imprensa, Lambrecht lembrou ainda que, nos últimos meses, houve vários atos violentos protagonizados pela extrema-direita.

Além de Lambrecht e Seehofer, estavam também presentes na conferência o primeiro-ministro de Hesse, Volker Bouffier, e o presidente da câmara municipal de Hanau, Clauis Kaminsky.

Volker Bouffier expressou a sua solidariedade com as famílias das vítimas, garantindo que "a cidade e o estado federado estão juntos" e "farão tudo para enfrentar o racismo".

"Morreram inocentes", sublinhou Bouffier, agradecendo a solidariedade internacional recebida após o evento.

Também o presidente da câmara lamentou os acontecimentos, admitindo que "as últimas horas, desde as 22:00 desta quarta-feira, foram dos tempos mais tristes que a cidade viveu em tempos de paz".

Os tiroteios ocorreram em dois bares de fumadores de cachimbo de água  (shisha), o primeiro no centro de Hanau, a cerca de 20 quilómetros de Frankfurt, e o outro numa zona próxima da cidade.

O suspeito fugiu, mas foi encontrado, na mesma noite, morto na sua casa, ao lado do corpo da sua mãe, de 72 anos, segundo o ministro do interior do estado de Hesse, Peter Beuth.

Tanto o suspeito como a mãe tinham ferimentos de balas e a arma estava com o atirador.

A Procuradoria Federal alemã disse esta quinta-feira que as investigações tiveram "motivação xenófoba".

A fonte ligada às investigações indicou que o ataque em cafés frequentado por cidadãos do Médio Oriente pode ter sido levado a cabo por um extremista de direita com "motivações xenófobas". (RM-NM)

Read 139 times

Escolha do editor

Publicidade

Rádios Online

Antena Nacional

EP Gaza

EP Sofala

RM Desporto

EP Nampula

Inquerito

O que acha do nosso novo website?

Meteorologia

Maputo, MZ

Programação

Contacto

Direcção de Informação: email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.; Fixo 21 42 99 08, Fax 21 42 98 26 | Rua da Radio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP

Conecte-se Connosco