Autoridades migratórias em Tete apertam o cerco nos postos de travessia

Publicado: 29/06/2021, 9:51
Categoria:

As autoridades migratórias em Tete, apertam o cerco nos principais postos de travessia, incluído vias públicas e outros locais estratégicos, para evitar casos de imigração ilegal.

 

A decisão surge em resposta, ao aumento este ano de casos de imigração ilegal estimados em oitocentos e vinte e sete, comparando com o igual período do ano passado.

A porta-voz da direcção provincial de migração em Tete, disse que este aumento é preocupante numa altura em que na Província de Tete, já circula a variante DELTA do novo coronavírus.

Amélia Direito disse que trabalhos de fiscalização decorrem em parceria com as autoridades comunitárias.

A fonte, disse que como resultado deste trabalho, a instituição que reapresenta, repatriou semana finda, Noventa e dois imigrantes ilegais, de diversas nacionalidades, para os seus pontos de entrada.

A maior parte dos repatriados é de nacionalidades Malawiana e etíope.

Amélia Direito, disse ainda que durante a semana finda, a província registou o movimento migratório global de seis mil duzentos e quarenta viajantes.

Segundo Amélia Direito, dos onze postos de travessia existentes naquela província, apenas cinco estão abertos, nomeadamente Calomwe, Zobwe, Cassacatiza, Cuchamano, e o posto aéreo de Chingodzi. (RM)

Pesquisar

Últimas Notícias

Rádio Moçambique

Rua da Rádio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP
Email: info@rm.co.mzFixo: +258 21 42 99 08Fax: +258 21 42 98 26
Subscreva agora

Bem-vindo ao nosso Centro de Subscrição de Newsletters Informativos. Subscreva no formulário abaixo para receber as últimas notícias e actualizações da Rádio Moçambique.

Instale a nossa App

crosschevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram