Carlos Agostinho do Rosário condena ataques da Junta Militar da Renamo

Publicado: 16/07/2020, 17:22
Categoria:

O Primeiro-Ministro e membro da Comissão política da Frelimo, Carlos Agostinho do Rosário, condena os ataques protagonizados pela autoproclamada junta militar da Renamo, na região centro e por terroristas no norte de Cabo Delgado, que estão a retardar os esforços tendentes ao desenvolvimento do país.

 

Carlos Agostinho do Rosário, que esta quinta-feira interagiu com parte das cerca de mil pessoas deslocadas de alguns povoados do distrito de Gondola, em Manica, acomodados em zonas seguras, apelou aos membros da Junta Militar, a aderirem ao processo de Desmilitarização, Desarmamento e Reintegração (DDR), em curso.

O dirigente disse que o sucesso do trabalho das forças de defesa e segurança, na garantia da tranquilidade nas zonas onde ocorrem os ataques, depende da colaboração de todos, que devem se distanciar das acções deste grupo.

O Membro da Comissão política da Frelimo afirmou na ocasião que o presidente da república, Filipe Nyusi, está comprometido com a paz, para que as famílias retornem as suas zonas de origem. (RM Manica)

Pesquisar

Últimas Notícias

Rádio Moçambique

Rua da Rádio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP
Email: info@rm.co.mzFixo: +258 21 42 99 08Fax: +258 21 42 98 26
Subscreva agora

Bem-vindo ao nosso Centro de Subscrição de Newsletters Informativos. Subscreva no formulário abaixo para receber as últimas notícias e actualizações da Rádio Moçambique.

Instale a nossa App

crosschevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram