Cidade da Beira poderá desaparecer se não forem tomadas medidas de protecção

Publicado: 19/08/2021, 17:55
Categoria:

A activista ambiental, Regina Charrumar, alerta para o risco do desaparecimento da cidade da Beira nas próximas décadas, caso não se tomem medidas resilientes para a sua protecção.

 

A activista falava à Rádio Moçambique, à luz do relatório das Nações Unidas sobre as mudanças climáticas, divulgado recentemente.

O documento das Nações Unidas prevê que a temperatura global da terra vai continuar a aumentar até meados do século vinte e um.

E a activista ambiental chama a atenção às construções em zonas de passagem de água e a necessidade de plantio de mais árvores para que a cidade não seja consumida pelo mar.

De acordo com o novo relatório das Nações Unidas sobre as mudanças climáticas, o mundo está sob alerta devido ao fenómeno, cuja causa, é imputada ao Homem.

Regina Charrumar, entende que o país, pode fazer a sua parte para conter a situação que ameaça a vida na humanidade.

O novo relatório da ONU diz que até finais deste século poderá ocorrer um aquecimento global acima de um ponto cinco e dois graus Celcius, a menos que haja acções drásticas visando controlar a situação. (RM)

Pesquisar

Últimas Notícias

Rádio Moçambique

Rua da Rádio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP
Email: info@rm.co.mzFixo: +258 21 42 99 08Fax: +258 21 42 98 26
Subscreva agora

Bem-vindo ao nosso Centro de Subscrição de Newsletters Informativos. Subscreva no formulário abaixo para receber as últimas notícias e actualizações da Rádio Moçambique.

Instale a nossa App

crosschevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram