Governo de Nicarágua esconde óbitos pela Covid 19

Publicado: 04/12/2021, 6:54
Categoria:

O Governo de Nicarágua escondeu entre 6.000 e 9.000 óbitos por covid-19, entre Março de 2020 e Novembro de 2021, de acordo com um estudo elaborado pelo Observatório para a Transparência e Anticorrupção, esta sexta-feira divulgado.
O estudo foi apresentado por videoconferência.
Os investigadores do Observatório para a Transparência e Anticorrupção, que pediram anonimato por motivos de segurança, chegaram a essa conclusão ao comparar os dados divulgados pelo Governo de Daniel Ortega com estudos de mortalidade do Comité Científico Multidisciplinar, do Observatório do Cidadão Covid-19, da Fundação Nicaraguense para o Desenvolvimento Económico e Social e de estatísticas oficiais dos países vizinhos.
O sindicato dos médicos da Nicarágua tem estado no centro do debate pandémico devido às críticas ao governo e pelo menos 16 clínicos foram demitidos de hospitais públicos sem explicações, após exigir equipas de biossegurança e recomendar medidas de prevenção.
De acordo com os investigadores, nos primeiros 20 meses da pandemia, o Ministério da Saúde da Nicarágua relatou 211 mortes por covid-19 e 5.947 infeções, enquanto o Observatório do Cidadão identificou 5.945 óbitos e 31.224 casos suspeitos.
A Nicarágua reflecte o menor número de infecções na América Central, segundo dados oficiais. (N.MINUTO/RM)

Últimas Notícias

Rádio Moçambique

Rua da Rádio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP
Email: info@rm.co.mzFixo: +258 21 42 99 08Fax: +258 21 42 98 26
Subscreva agora

Bem-vindo ao nosso Centro de Subscrição de Newsletters Informativos. Subscreva no formulário abaixo para receber as últimas notícias e actualizações da Rádio Moçambique.

Instale a nossa App

crosschevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram