Mais de 2.500 trabalhadores morreram vítimas dos ataques terroristas em C. Delgado

Publicado: 02/05/2021, 7:14
Categoria:

Mais de dois mil e quinhentos trabalhadores morreram vítimas dos ataques terroristas em algumas regiões da província de Cabo- Delgado.

 

Os dados foram tornados públicos, este sábado em Nampula, pelo secretário–geral da Organização dos Trabalhadores de Moçambique OTM-Central Sindical,  Alexandre Munguambe, por ocasião do Primeiro de Maio, Dia Internacional do Trabalhador.

Alexandre Munguambe anotou ainda que pouco mais de setecentos e catorze mil trabalhadores estão na situação de deslocados.

Perante estas adversidades, a OTM encoraja o governo para encontrar  formas para acabar com estas situações.

Segundo Alexandre Munguambe, no país decorre um amplo movimento de solidariedade para com as vítimas dos ataques de terrorismo em Cabo-Delgado e da Junta Militar no centro do País.

 “Lembremos que, no seio destes nossos compatriotas que estão em situação difícil, incluem-se trabalhadores que perderam os seus postos de trabalho. O movimento sindical solidariza-se com as vítimas do terrorismo, ataques armados da Junta Militar da Renamo, eventos climáticos e encoraja o governo para que encontre a melhor forma de acabar com o sofrimento destes nossos concidadãos”, disse.

Este ano, o Primeiro de Maio, Dia Internacional do Trabalhador comemorou-se sob o lema: "Sindicatos juntos na luta pelo bem-estar , paz e progresso". (RM)

Pesquisar

Últimas Notícias

Rádio Moçambique

Rua da Rádio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP
Email: info@rm.co.mzFixo: +258 21 42 99 08Fax: +258 21 42 98 26
Subscreva agora

Bem-vindo ao nosso Centro de Subscrição de Newsletters Informativos. Subscreva no formulário abaixo para receber as últimas notícias e actualizações da Rádio Moçambique.

Instale a nossa App

crosschevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram