Malawi. Bispos católicos voltam a lançar críticas ao governo de Chakwera

Publicado: 11/10/2022, 23:38
Categoria:

Bispos católicos, voltam a lançar duras críticas ao governo de Lazarus Chakwera, por alegada falta de estratégias para salvar o país da actual crise económica.

Para a conferência episcopal do Malawi, Chakwera está longe de cumprir as promessas eleitorais.

Na carta pastoral intitulada “Um chamado para ouvir o clamor dos pobres malawianos”, os prelados católicos afirmam que a luta diária pela sobrevivência da grande maioria dos malawianos agravou-se neste ciclo governativo, sob liderança de Lazarus Chakwera.

O clamor dos pobres subiu de tom, em meio ao agravamento da inflação geral, devido ao aumento dos preços das commodities, desemprego, crise de combustível, escassez de divisas e falta de protecção ao consumidor.

Para os bispos católicos, não se pode alegar que a economia do Malawi está em queda devido a covid-19, ciclones e a invasão da Ucrânia pela Rússia, uma vez que os países vizinhos passaram pela mesma situação e hoje estão recompostos.

A Conferência episcopal do Malawi questiona ainda os níveis de corrupção, o deficiente sistema de prestação de serviços, as medidas inconsistentes de austeridade do governo, a incerteza sobre o sucesso da próxima época agrícola, e pela forma retrógrada que o país está a ser governado.

Segundo os Bispos católicos, a administração de Chakwera é caracterizada por disputas internas e por influência política, clientelismo, nepotismo, foco em interesses políticos egoístas e posições desarticuladas sobre políticas públicas, por parte da coligação de partidos que compõe o actual governo.

Lazarus Chakwera e os seus aliados, prometeram criar um milhão de empregos, conceder empréstimos a mulheres e jovens, reduzir os poderes do Chefe de Estado e estabilizar a economia do Malawi, obras que ainda não aconteceram.

Na missiva, os Bispos, exigem que Chakwera seja exemplar na implementação das medidas de controle de despesas, eliminando viagens desnecessárias internas e externas que envolvem grandes comitivas.

Entretanto, o governo já reagiu; o ministro da Informação, Gospel Kazako, disse que a carta dos Bispos Católicos será objecto de análise do executivo, pois as questões levantadas mexem com a vida do país. (RM Blantyre)

Pesquisar

Últimas Notícias

Rádio Moçambique

Rua da Rádio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP
Email: info@rm.co.mzFixo: +258 21 42 99 08Fax: +258 21 42 98 26
Subscreva agora

Bem-vindo ao nosso Centro de Subscrição de Newsletters Informativos. Subscreva no formulário abaixo para receber as últimas notícias e actualizações da Rádio Moçambique.

Instale a nossa App

crosschevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram