Ruanda "lamenta" expulsão de embaixador em Kinshasa

Publicado: 30/10/2022, 19:14
Categoria:

O Ruanda registou hoje "com pesar" a decisão da República Democrática do Congo (RDCongo) de expulsar o seu embaixador em Kinshasa e anunciou ter colocado em alerta as forças de segurança ruandesas na fronteira.
"É lamentável que o governo da RDCongo continue a culpar o Ruanda pelas suas próprias falhas de governo e segurança", escrevem as autoridades ruandesas, em comunicado hoje divulgado.
A tensão na RDCongo aumentou este fim de semana devido ao avanço realizado pelo grupo rebelde Movimento 23 de Março (M23)- antiga rebelião tutsi que pegou em armas no final de 2021 - no leste, e o país está no meio de uma nova crise diplomática na sequência da ordem de expulsão do embaixador do Ruanda, país acusado pelas autoridades congolesas de colaborar com o movimento.
O porta-voz do governo congolês, Patrick Muyaya, reconheceu sábado que o avanço do M23 nas cidades de Kiwanja e, sobretudo, Rutshuru, representa uma "ameaça à segurança nacional", considerando que a "chegada maciça nos últimos dias de elementos do exército ruandês para apoiar os terroristas do M23" tem em vista uma "ofensiva geral contra as posições das forças armadas congolesas".
Por isso, Kinshasa anunciou no sábado a expulsão imediata do embaixador ruandês, Vincent Karega, enquanto os combates se intensificam no leste da RDCongo contra a rebelião M23.
O Ruanda nega e acusa a RDCongo - que também o nega - de conluio com as Forças Democráticas de Libertação do Ruanda (FDLR), um movimento rebelde hutu ruandês, com alguns dos seus elementos envolvidos no genocídio dos tutsis no Ruanda em 1994.
No sábado, o secretário-geral das Nações Unidas (ONU), António Guterres, falou com o Presidente angolano, João Lourenço, que tem mediado as conversas entre os dois países.
"O Presidente João Lourenço pontualizou ao secretário-geral da ONU sobre as suas últimas diligências e António Guterres, na sequência, manifestou todo o seu apoio aos esforços de mediação do estadista angolano na RDCongo", refere uma nota da presidência angolana divulgada hoje.
António Guterres manifestou também urgência em falar com os presidentes Félix Tshisekedi, da RDCongo, e Paul Kagame, do Ruanda. (RM /NMinuto)

Tags: 

Pesquisar

Últimas Notícias

Rádio Moçambique

Rua da Rádio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP
Email: info@rm.co.mzFixo: +258 21 42 99 08Fax: +258 21 42 98 26
Subscreva agora

Bem-vindo ao nosso Centro de Subscrição de Newsletters Informativos. Subscreva no formulário abaixo para receber as últimas notícias e actualizações da Rádio Moçambique.

Instale a nossa App

crosschevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram