Tete: Médicos tradicionais trabalham com as unidades sanitárias

Publicado: 31/08/2021, 16:07
Categoria:

Cerca de dois mil e duzentos e setenta pacientes, assistidos pelos médicos tradicionais, foram referidos para diversas unidades sanitárias, este ano, na província de Tete.

 

A maior parte dos pacientes encaminhados às unidades sanitárias apresentava diversas patologias, com destaque para o HIV, Tuberculose, Malária e Anemia.

Os dados foram tornados públicos esta terça-feira, pelo governador da província de Tete, nas cerimónias do dia da medicina tradicional africana.

Domingos Viola, disse na ocasião que o aumento em mais de oitenta casos, em relação ao ano passado, indica boa colaboração, existente entre as duas medicinas, tradicional e convencional.

Para além desta colaboração, Viola destacou, o abandono por parte dos médicos tradicionais, do uso da mesma lâmina para vários pacientes, o que contribuía para a proliferação de infecções.

O chefe do Conselho do Executivo Provincial, lamentou o facto de existirem nas comunidades cidadãos que praticam as queimadas descontroladas prejudicando assim a fonte dos medicamentos tradicionais.

O representante provincial da medicina tradicional em Tete, José Carlos, apontou igualmente, o abate das árvores.

A província de Tete, conta actualmente, com um total de cinco mil setecentos e vinte e três praticantes, de medicina tradicional, destes apenas três mil e quatrocentos e trinta e nove, estão inscritos e formados.(RM)

Pesquisar

Últimas Notícias

Rádio Moçambique

Rua da Rádio N 2, P.O.Box 2000 | Rádio Moçambique, EP
Email: info@rm.co.mzFixo: +258 21 42 99 08Fax: +258 21 42 98 26
Subscreva agora

Bem-vindo ao nosso Centro de Subscrição de Newsletters Informativos. Subscreva no formulário abaixo para receber as últimas notícias e actualizações da Rádio Moçambique.

Instale a nossa App

crosschevron-down linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram